Pajem de quatro patas

Reprodução da internet: Amarelo de Ouro
Hellen Leite

Existem pessoas tão apaixonadas por cachorros que vão além da simples relação dono-animal. Essa afinidade não é tão recente assim. Há algum tempo esses bichinhos passaram de simples animais domésticos para membros da família. Algumas noivas fazem tanta questão de ter os peludos na cerimônia que inovam até na hora de escolher o pajem e a daminha. Nesses casos quem leva as alianças até o altar é peludo e tem quatro patas. 

Inspire-se nas noivinhas que fizeram questão de levar o animal de estimação para o casamento!

Se a noiva não quer abrir mão da presença do melhor amigo na cerimônia, é essencial pensar no bem estar do bichinho. Segundo o veterinário Rodrigo Verdade é imprescindível conhecer bem cachorro antes de dar uma tarefa tão importante pra ele. O próprio Rodrigo conta que pensou em usar um de seus cães no próprio casamento, mas desistiu por causa do temperamento agitado dos cachorros. 

Aqui vão algumas dicas do veterinário e do CorreioWeb para garantir que nada dê errado durante a cerimônia.

1. Só leve o cãozinho para a cerimônia se ele for acostumado com pessoas e lugares movimentados. Pense duas vezes antes se ele for muito agitado ou nervoso. 

2. Se a cerimônia for na igreja, converse antes com o responsável por celebrar o casamento. Pode ser que não seja permitida a entrada de animais no ambiente.

Reprodução da internet
3. Treine o seu bichinho. Ele pode se assustar com o ambiente. É recomendável levar ele várias vezes ao local do casamento. 

4. Antes da cerimônia leve várias vezes o seu cachorro para passear. E certifique-se que ele está com as necessidades fisiológicas em dia.

5. Tente colocar a roupinha mais confortável possível no seu cão. Se ele não for acostumado a usar roupas vá acostumando ele aos poucos até o cachorro assimilar a ideia de estar vestido. 

6. Evite os flashs dos fotógrafos. Pode estressar o cachorro.

7. Deixe sempre alguém responsável pelo cão, para que ele não atrapalhe os convidados nem apronte nenhuma travessura. 

8. Deixe sempre água acessível ao seu cachorro, para que ele não fique desidratado. 
 
 

0 comentários: